Matueté Blog
9 de junho de 2020 0

:: Sem categoria

 

Ler um livro ao som do silêncio, ver o céu mudar de cor inesperadamente e outras maravilhas da natureza que tanto acalentam nossa alma. Seguimos em casa, mas sonhando com uma temporada ao lado de quem realmente importa em algum refúgio especial e isolado na natureza. Aproveitando a mágica que acontece quando estamos, de verdade, presentes nas cenas mais simples do dia a dia. Uma casinha mergulhada nos Himalaias, um lodge em plena selva africana, um glamping cheio de charme sob o céu estrelado do deserto de Utah: selecionamos dez refúgios que têm alimentado nossa mente de viajante para que você siga desbravando o mundo por aí com a sua imaginação.

1. Era uma vez uma fazenda na Patagônia

Esqueça o relógio e qualquer compromisso inadiável: acompanhar o dia a dia patagônico no Pata Lodge, uma fazenda orgânica totalmente isolada na parte menos explorada da Patagônia, é se dar a chance de ver o tempo passar mais devagar, seguindo o mais perfeito ritmo da natureza. E, de quebra, dormir em uma cabana cheia de charme que mais parece saída de um filme.

2. Um chalé especial nas montanhas italianas

Se existe uma imagem que melhor define o conceito de refúgio na montanha é a do San Lorenzo Mountain Lodge. Pense em um chalé do século XVII, todo restaurado, no meio das Dolomitas, Patrimônio Mundial da Humanidade. O clima é de casa e o olhar atento do casal de proprietários garante refeições inesquecíveis e sessões de vinho na lareira de deixar saudades, além de um visual espetacular!

3. Um refúgio no coração dos Lençóis Maranhenses

Uma casinha regional completamente restaurada, cheia de charme e bossa, a passos do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Perto o suficiente de Santo Amaro para viver um pouco do espírito do vilarejo, mas sem abrir mão da privacidade e do sossego.

4. O som do silêncio no Marrocos

Difícil acreditar que são apenas 35 minutos entre o burburinho de Marrakesh e esse oásis aos pés da Cordilheira do Atlas batizado de Kasbah Bab Ourika. Para lembrar como é ver o sol se pôr dia após dia, colher frutas em um jardim perfumado, ouvir o som do silêncio e contar estrelas até dizer chega.

5. Detox digital no Egito

Em total sintonia com a natureza, o eco-lodge Adrere Amellal, esculpido nas pedras do Oásis de Siwa, no Egito, é um convite para desconectar. Afinal, quem precisa de eletricidade quando se tem o céu estrelado do deserto – e centenas de velas feitas de cera de abelha – guiando o seu caminho?

6. No balanço do mar no Panamá

De onde quer que se olhe, o mar cristalino que banha o Panamá emoldura o cenário do Sweet Bocas, uma villa flutuante perfeita para mergulhar por completo nos pequenos prazeres de verão. Não à toa, o paraíso é um dos favoritos dos surfistas, que sempre descobrem os refúgios mais intocados do planeta antes de todo mundo.

7. Longe de tudo no Canadá

Em uma remota ilha na costa leste do Canadá, o Fogo Inn é o melhor lugar para se sentir absolutamente isolado do mundo, mas conectado com a vida local – 100% da operação é investido na comunidade. Com o barulho do mar como trilha sonora, os dias seguem entre passeios de bicicleta, visita aos ateliês de artistas locais, sessões de cinema, sauna e ofurô.

8. Glamping com bossa sob o céu de Utah

Uma tenda – com piscina aquecida, terraço e fogueira – para chamar de sua, literalmente no meio do nada, entre cânions e formações rochosas do impressionante deserto de Utah. É esse o cenário do Camp Sarika, que faz parte do Amangiri, hotel já consagrado do grupo Aman. Dias de céu azul anil entre sessões de ioga, caminhadas, passeios de canoa e noites mágicas na companhia de estrelas a perder de vista.

9. O som da selva em Botswana

A quilômetros da civilização e debruçadas na vida selvagem, estão as únicas quatro cabanas – além de uma casinha com dois quartos – do Zarafa Camp, localizado em uma reserva privada em Botswana. Entre os pontos altos: acompanhar os elefantes em um passeio pela lagoa de Zibadianja, ter sua própria câmera profissional ao longo de toda a jornada e os jantares à luz de velas na selva.

10. Pausa sagrada na Índia

Impossível não esquecer do mundo lá fora diante do cenário do Shakti 360° Leti: são apenas quatro casinhas com janelões de vidro e vista para um dos picos mais altos do Himalaia, na Índia. Nos hikings por vilas centenárias, nos descansos ao lado da lareira ou nas aulas de culinária, a vontade é a mesma: agradecer, sempre.


Deu vontade de fugir para um refúgio isolado no meio da natureza? Conheça mais sobre esses e outros cantinhos especiais no mundo, além de outros segredos bem guardados da nossa equipe, e comece a sonhar com viagens futuras.

Posted by
Message: