TAPIOCA
Matueté Blog
1 de novembro de 2013 0

:: (a) Américas

No roteiro de muitos viajantes gastronomia é prioridade. E o que não faltam são restaurantes inusitados pelo mundo. No escuro, em silêncio ou sozinho, confira lugares que propõe diferentes experiências gastronômicas.

Em silêncio – No restaurante Eat, em Greenpoint, no Brooklyn, a ordem é curtir a refeição em silêncio. Segundo o chef, Nicholas Nauman, a inspiração veio de uma viagem que fez a Índia, onde adeptos do budismo faziam suas refeições em sliêncio, como uma espécie de meditação.

Menu comestível - No Moto, restaurante em Chicago que aposta na gastronomia molecular, até o menu pode ser degustado.

No escuro – Alguns restaurantes pelo mundo já adotaram a ideia dos jantares no breu total. Em Paris, Londres, Barcelona, Moscou e Israel – e até mesmo aqui em São Paulo – os menus “in the dark” atraem curiosos e experts em gastronomia. A matriz do Dans le Noir, em Paris, foi a pioneiro da ideia, e já conquistou espaço em Londres e Nova York.

Mesa para um – Pensando naqueles que não se incomodam em fazer as refeições sozinhos, o restaurante Eenmaal – que em holandês significa “uma vez” – conta apenas com mesas individuais. Aberto apenas alguns dias por temporada (geralmente em julho e agosto) e localizado no bairro Bos en Lommer, o lugar foi criado por duas agências holandesas de branding e é o único do mundo com mesas para uma pessoa.

Para dois, apenas - Para quem procura um jantar bem romântico, o Solo Per Due oferece, como o nome já diz, um jantar exclusivíssimo, apenas para duas pessoas. Considerado o menor do mundo, o restaurante italiano localizado em Vacone, região central da Itália, conta com arquitetura do século XIX e iluminado por velas espalhadas pelo salão.

Posted by