TAPIOCA
Matueté Blog
21 de agosto de 2013 0

:: (a) Américas | Insider | Natureza

Anita e eu acabamos de voltar de Galápagos, uma viagem em família com mergulhos diários e inesquecíveis nas ilhas Darwin, Wolf e Isabela. Como vão ler mais abaixo, foi incrível estar cara a cara com tubarões baleia de até 20 metros e nadar com golfinhos, tartarugas, e outros bichos curiosos. Nem o balanço constante do barco ou as baixas temperaturas da água nessa época do ano tiram a beleza e a alegria de viver esse espetáculo da natureza!

As melhores férias para minha família são as que incluem mergulho! Este ano decidimos curtir as ilhasGalápagos numa viagem de “liveaboard”: em um barco confortável saímos de San Cristóbal e fomos diretamente às ilhas para uma rotina de quatro mergulhos por dia. Tudo muito seguro e bem planejado, com chocolate quente ao sair da água, instrutores animados e bem informados e, claro, bons amigos e muitas brincadeiras e risadas.

Em Darwin’s Arch, logo que entramos na água um grupo de golfinhos veio dar boas vindas, acompanhados por tubarões martelos e tubarões galapagenho. De repente, o sino do instrutor: a nossa frente o turbarão baleia!  Que lindo, quanta emoção!

Embaixo d’água a exuberância dos animais e o frio nos deixavam tão que exaustos que, ao fim do dia, só sobrava fôlego para comer e descansar no conforto do barco, que todos os dia nos levava para um lugar ainda mais especial!

PS: Depois dessa viagem preciso retificar o meu ranking dos melhores lugares que já mergulhei:Galápagos disputa ao lado de Fakarava, no Tahiti, o primeiro lugar! Seguidos por Maldivas e Sipadan.

Anita também ficou encantada, veja seu lindo relato:

” Há alguns anos meu marido mergulha em Galápagos, e sempre volta dizendo que eu deveria ir. A baixa temperatura da água nessa época do ano me desanimava bastante. Mas me rendi ao programa e, imediatamente após o primeiro mergulho, tive a certeza de que estava no paraíso.

Encontrar 20 tubarões baleia em nossos mergulhos foi a glória! Quando ele vem em sua direção, podendo olhar diretamente dentro dos seus olhos, é realmente um momento único de contato com a natureza – uma das grandes emoções da minha vida.

Os leões marinhos adoram brincar com as nossas bolhas ou com os cabelos compridos das meninas e as centenas de tubarões martelos nos rodeando às vezes deu um friozinho na barriga! Mas este lugar é realmente um aquário natural tão exuberante quanto se pode imaginar.”

Dica: a viagem ao estilo “liveaboard” é mais aventureira e radical, mas existem outras formas de conhecer esse lugar mágico, podendo hospedar-se em terra e fazer os passeios de barco. Mas de uma forma ou de outra a recomendação é a mesma: se gosta de natureza, não deixem de ir a Galápagos! Para quem não é muito fã deste mundo subaquático ou tem crianças pequenas, o arquipélago é igualmente bárbaro se explorado por terra, de praia em praia.

Posted by